Estilo próprio? Sim, eu tenho!

estilo - moda

Sabe aquelas pessoas super ligadas em moda, que sempre estão renovando o guarda-roupa de acordo com o estilo que segue? Eu não sou uma delas e tenho muita raiva disso. Juro. #frustrada

Desde pequeno venho tentando descobrir a qual tribo fashion pertenço, porém, até agora vivo no basicão: calça jeans, t-shirt baratinha e os benditos all stars. Eu queria mesmo era uma usar uma jaqueta de couro, calça destroyed, coturno chic, mas o clima da minha cidade não colabora… e outra: ainda não estou preparado pra enfrentar os olhares-maldosos do povo daqui. Ainda.

Pra quem não sabe, sou uma pessoa totalmente influenciável (o que não quer dizer que sou bobo!). Só que aquelas roupas das passarelas não me convencem, tampouco as que colocam nos manequins das lojas. Eu gosto mesmo é de sair catando peças pra montar o meu próprio look, de uma forma totalmente despojada e alternativa.

roupas estranhas

pelo menos os modelos das passarelas são lindos, néam? <3

E pra quem disse que os ex-crushes são um pé no saco, tô aqui pra provar que eles me ajudaram demais no quesito “moda” e “como se vestir bem”. É que todos os carinhas que já passaram por mim são “diferenciados”: um era roqueiro, outro caipira/sertanejo, tinha o regueiro, o forrozeiro e o que amava MPB.

É claro que enquanto estava de papinho com os caras, acabei me rendendo aos estilos deles e me vestindo meio loucão. Mas, sabe quando você não sente bem usando só preto, ou camiseta xadrez, touca na cabeça ou todo cult? Era assim que eu me sentia diante dos crushes.

Justamente por passar por cada estilo, percebi que eu não me encaixo em nenhum e nem dou conta de ser rotulado como isso ou aquilo: sou apenas o Adriel, aquele carinha que veste o que vier a cabeça e lhe deixar bem na frente do espelho. E eu nem tô criticando quem segue uma linha folk, rocker ou funkeira-com-shortinhos-lindos-que-mostram-o-popozão.

Se tu vive algo semelhante, agarre agora na minha mão e vamos nos abraçar, porque, às vezes, ter um estilo próprio é complicado.

Beijo1 Um beijo! 

54 Comentários

54 Comentários em "Estilo próprio? Sim, eu tenho!"

  1. Nana diz:

    Oi Adriel,
    Menino cê tem parece ser alto! Eu sou uma nanica haha
    Faz é tempo que não renovo meu guarda-roupa. Fora as roupas que sou apegada.
    Esses dias sofri pra doar um macacão que eu tinha desde os 12 anos.
    Mas tenho blusas com cara de nova, que uso desde os 14 kkkkkkkk

    tenha uma ótima quarta!
    Nana – Obsession Valley

  2. Não sei exatamente se sou como você e vou agarrar sua mão. Sou daquelas que tem todos os estilos, sabe? Cada dia eu me visto com um “estereotipo” diferente e eu gosto disso. Acho que isso é bom e acho até que vou fazer uma campanha do tipo #AdrielNãoInfluenciável.
    Claro que é bom ter algumas pessoas como “exemplo”, mas espero que, no fim, você saiba que ser só você, ter o seu estilo, é tudo que você precisa.

    Beijos,
    Bi.

    http://www.naogostodeunicornios.com

  3. Adriel, que blog mais lindo! To babando aqui, e definitivamente você tem estilo <3

  4. Douglas Santos diz:

    Achei o post ótimo e a questão levantada ótima para um debate… Quando se é mais novo até acho natural vc ser uma salada de referências e misturar tudo, a gente quer fazer parte de uma tribo e a roupa q usamos é o q teoricamente diz aos outros o q somos. Particularmente, sempre tive uma obsessão por moda, até por formação e profissão refinei o meu estilo para melhor me encaixar, foi válido demais. Aqui em Araguaína é sempre tenso vc sair um pouco mais montado, ou vc morre de calor ou com os olhares dos outros.

  5. Junior Cardoso diz:

    Eu tbm não tenho um estilo próprio. Visto o que vir pela frente. À proposito, ótimo post. <3

  6. Sabe o que eu preciso? De dinheiro pra lotar meu guarda-roupas com peças estilosas e diferentes, pois não estou conformado com as que tenho kkkk!
    Adorei o post 🙂
    Abraços♥

    http://www.ricknegreiros.com.br

  7. Carol diz:

    Eu também me visto cada vez de uma forma. As vezes saio de salto, camisa e outras vezes de jeans destroyed e tênis hahahaha
    O importante é nos sentirmos bem 🙂
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

  8. Amei esse post, eu uso de tudo! Basta eu gostar e achar interessante que compro 😉

    http://www.antesdaprimavera.com.br

  9. Adriel, dá cá um abraço!!!!
    Eu também sou dessas que não tem um estilo determinado. Adoro me vestir de forma que faça com que eu me sinta confortável e fim de papo! Nada de frescurices, rs!
    Amei o seu post e mais ainda o seu blog!

    Super beijo!

    Fabi Carvalhais
    Pausa Para Pitacos | Participe do TOP COMENTARISTA | Promoção PQ SIM!

  10. Identificação com as peculiaridades de viver em cidade pequena. Na minha adolescência eu queria mais era ficar com meu cabelinho rosa + all star de botinha e ninguém conseguia me entender hahaha :DD mas ligava o “tô nem aí” e continuava usando tudo numa boa 😉

  11. Oi
    nem sei meu estilo de vestir, as vezes sou básica outras não, mas adoro um acessório . As roupas das passarelas também não me convencem muito não, já deixei de usar algo diferente para as pessoas não olharem torto sabe como é cidade pequena.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

  12. Pollyana diz:

    Olá!
    Eu me identifiquei, também sou assim hahah. Antes eu tentava achar um estilo em quem me encaixava também, más no finalzinho do ano passado eu comecei a me vestir como eu queria, gostasse, me sentisse bem… Hoje em dia tem um pessoal (até mesmo da minha família) que me acham brega. Como você disse “quando você não se sente bem usando só preto…” eu amo preto <3 más as vezes da vontade usar amarelo, laranja, azul, umas cores assim.
    Gostei muito do post.

    Beijoos.
    https://garotadeallstart.blogspot.com.br/

  13. Deise Almeida diz:

    Olá,
    primeiramente eu gostaria de dizer que eu amei o seu blog! O visual e a organização são lindos demais.
    E sabe, eu te compreendo, eu até escrevi sobre isso na minha última postagem – sobre o que é estilo, e o que possivelmente as pessoas pensavam sobre isso. Porque ter o seu estilo, não é copiar alguém ou seguir pulando de “moda em moda”. Claro que se inspirar é permitido, até porque é claro que ninguém nasce sabendo

    Mas o estilo vem do “autoconhecimento”. Quando estamos aptos a isso, nós construimos a nossa imagem 🙂 Que tal?

    Mas enfim, amei a sua opinião e a sua postagem!

    Parabéns

    Blog Senhorita Deise

    Instagram

  14. Hey Adriel! Olha, o que posso te dizer é: se você se sente bem fazendo uma super mistura de estilos, é isso! Use e abuse! Não tente se rotular em só um tipo. Eu, por exemplo, sou apaixonada pelo estilo romântico, casual, chic e minimalista! Uma super salada, né? Hahahaha! Mas sabendo como misturar as peças, fica tudo certo (e lindo)! 🙂
    E não é só em cidade grande que as pessoas te olham esquisito se você veste algo diferente não, hein. Aqui no Rio muita gente também te dá aquela olhadinha torta se você não se veste de acordo com o que acham aceitável pelo lifestyle carioca 😛

    Um beijo! ♥
    http://www.daniquedisse.com.br

  15. hellz diz:

    ADRIEL,

    o lance é você sair escolhendo as peças que te agradam e ir usando, menine. Eu também sou uma bagunça e não consigo me encaixar em nadinha HAHAHHA ainda mais o fato de estar cima do peso e gordénha me atrapalha bastante, porque nem todo plus size é bonito, estiloso e expressa minha personalidade.

    No mais… ser você é o essencial. E deixe que os outros te influenciem positivamente! pode ser bem legal 🙂

    beijo
    beinghellz.blogspot.com

  16. Thayse diz:

    Eu não acho que pra ter estilo tem que ter grana, mas tem que fazer bons investimentos e mesmo que sejam baratos, tem que gastar. Isso que é complicado pra mim. Eu quase nunca gasto com roupa e quando faço é pra comprar tipo peças bem básicas e mega necessárias, tipo calças ou camisetas. Eu sempre me seguro muiiiito pra não gastar nadica e poder fazer a coisa que mais amo na vida que é viajar. Claro que eu sou apaixonada por moda e curto ver estilos legais e gostaria de ser mais cool, mas é meio difícil, entendo super o seu dilema :/


    Beijos
    Brilho de Aluguel

  17. Ullastina diz:

    Desfile de moda, moda masculina

  18. Valgerd diz:

    Eu amo este desfile de moda

  19. Sim. Vamos dar a mão amigo e sair por aí rs.
    Não gosto de ser tachada com algum estilo, costumo dizer que sou a junção de todos, me visto de acordo com meu humor, com o tempo, com o local enfim não da para se prender ao pretinho básico enquanto tem tantas outras opções nesse mundão.
    Beijo

    http://www.tecontopoesia.com

  20. Oi, Adriel!
    Menino, também meu sonho é andar de jaqueta de couro preta e botas por aí na vida, mas moro num inferninho então nem rola.
    Meu estilo muda muito de acordo com meu ânimo. Tem dia que me visto bem mulabenta, mas tem dia que me arrumo. Mas, quase sempre, eu também estou na blusa barata, jeans e all-star.
    Beijos
    http://balaiodebabados.blogspot.com.br/

  21. Julie diz:

    Eu acho que a gente tem que vestir algo que nos faça bem! Sou exatamente esse tipo de pessoa: se gosto de tal peça, vou lá e compro e não to nem aí pra o que as pessoas acham. Meu estilo não é fixo, se assim posso dizer. Tem dias que estou mais minimalista, outros que aposto no estilo ladylike… enfim! O que eu estiver com vontade de usar, vou lá e uso.

  22. Aqui é exatamente assim, quero usar algo diferente mas não da coragem por causa das pessoas ruins da cidade. Como é cidade pequena, o povo fala demais! Eu sempre achei que não tinha estilo, até que me descobri no básico e minimalista, sabe? Amo tudo o que é preto, cinza, nude e marrom e quase não uso estampas. Mas tem dias que quero usar algo diferente e ai eu uso! Beijosss Adriel <3 AH, E OS MODELOS SÃO LINDOS MESMO HAHAHAHAHA

  23. Simone diz:

    Compartilho do mesmo, uso um pouco de tudo, mas o que me faz sentir a vontade e bem comigo mesma. Um tempos pra cá tenho tido vontade de me vestir um pouco mais formal, mas também nem tanto. Sabe aquele formal despojado ? Além de ser pelo trabalho é porque eu sinto vontade. Acredito que ter estilo próprio é vestir o que você quiser, o que te deixa bem consigo mesmo e não o que a sociedade impõe.
    Beijos
    Charme-se

  24. Bianca diz:

    Eu também não tenho um estilo definido, uso as roupas que acho bonitas e que me fazem sentir confortável. Geralmente eu uso roupas mais básicas, mas quando vou sair pra uma festa, gosto de me arrumar mais, acho que tudo depende do dia e do meu humor.
    Beijos

  25. Melhor estilo é o estilo próprio Adriel <3
    Se eu pude$$e também trocar meu guarda-roupa sempre que quiser mudar, mas gosto de ter estilo próprio e montar meu look de acordo com quem sou, mesmo que seja só jeans, all star e camiseta.
    E achei que fosse só comigo (DIFERENTONA) que notou que muda um pouco o estilo de acordo com o boy heheheh
    Beijão

  26. Bruna diz:

    Oi Adri!! Primeiro quero dizer que o blog ta lindão, parabéns pela mudança, ficou incrível! A respeito de estilo… Eu demorei para descobrir o meu. Sabe aquela pessoa que comprava as coisas erradas ou usava porque tinha ganho de presente e ficava com pena? Euzinha, rs. Mas assim fui percebendo do que eu gostava ou não. O Normcore (basicão) definitivamente me define como pessoa hoje em dia. Assim como você eu não troco meu guarda-roupa a cada nova moda. Pelo contrário, costumo gostar das coisas quando elas já estão saindo de moda hahah Mas também não deixo de usar só porque está na moda, sabe? Acho que a forma que a gente escolhe se vestir reflete muito em quem somos e acho uma parte e tanto da nossa personalidade. Enfim, adorei o texto e me identifiquei pra caramba. Beijoss <3

  27. Juliana diz:

    Vamos nos abraçar então! hahaha
    Porque até hoje também não consegui definir muito um estilo pra mim. Mas também acho que por um lado isso é bom, assim não ficamos presos a nada! E podemos ir variando de acordo com a nossa vontade 🙂

    Beijos!