Eu não uso WhatsApp

Em tempos de Instagram, Snapchat e Facebook, não usar o WhatsApp está se tornando quase crime no Brasil. Mas eu estou no time da minoria que não usa o aplicativo mais queridinho do momento. E sim: já instalei no celular e testei por um tempo, até chegar a conclusão de que não vale à pena tê-lo. 
Muitos deve estar me julgando como “o diferentão” e bla bla bla. E, pasmem, vocês têm todo o direito disso, da mesma forma que eu não sou obrigado a usar um aplicativo que mais aliena as pessoas do que as tornam próximas e inteligentes. 
Desde a chegada do WhatsApp as pessoas já não mais as mesmas. Se querem conversar com alguém, não ligam, mas preferirem mandar mensagem no aplicativo e esperar por uma resposta, que pode chegar hoje, amanhã ou simplesmente nem chegar; se querem ouvir a voz da outra pessoa, mandam áudios. Até mesmo dentro de casa os pais e filhos estão começando a se comunicar dessa forma, e eles ainda fazem print para compartilhar como se tal atitude fosse linda. 
Meu Deus! Que tecnologia é essa que está afastando o contato físico entre os seres humanos? 
Após uma longa reflexão em busca dos prós e contras, resolvi abolir de vez o WhatsApp da minha vida. Quem quiser conversar comigo, sabe o meu número e endereço, então, procure-me.

Essa decisão só apareceu após o meu celular pifar. Antes, eu me sentia uma pessoa super querida, já que ficava deitado no meu quarto completamente sozinho, mas na mão estava o celular bombando de mensagem nos grupos e no famoso “pvd” (privado).  Esse uso exacerbado do WhatsApp só fez com que eu tivesse na mente a ideia de que era querido por todos, quando, na verdade, estava apenas ocupando o tempo da outra pessoa que hoje, após eu não mais usar o aplicativo, nem lembra da minha existência. E olha que os assuntos, em sua maioria, eram idiotas…

Antes que me perguntem, eu não parei de conversar totalmente por aplicativos. É óbvio que eles trazem muitas vantagens, mas também têm as desvantagem. No momento o lado negativo está pesando mais… Talvez, mais para frente, eu precise instalar novamente o WhatsApp para facilitar o contato com colegas de trabalho, mas, enquanto eu puder fugir dele, assim o farei.
Aos que usam e dizem que quem não tem WhatsApp não existe, estou aqui para provar que existimos sim. E estamos muito bem.

Um beijo!

Posts relacionados

79 Comentários

79 Comentários em "Eu não uso WhatsApp"

  1. Avatar Renata diz:

    Eu uso muito o whatsapp, mas não me considero viciada. Tem horas que eu esqueço da existência dele e foco nas outras coisas. Não sou muito fã de conversar no privado com alguém só por conversar; se eu faço é pq eu preciso realmente falar com aquela pessoa. Tenho mais grupos que gostaria ter, mas tem uns que são necessários (trabalho, amigos da facul, etc).
    ;*

  2. Avatar Mry diz:

    Eu também não sou muito fã do WhatsApp, comecei a usar no ano passado por causa do grupo da minha turma na faculdade, mas fora isso nunca vi graça alguma no tal aplicativo. Atualmente até converso com algumas pessoas, mas geralmente dura pouco e me recuso a participar de grupos sem propósitos específicos onde haja muita interação.

    Mas olha, no caso dos pais que usam WhatsApp pra falar com os filhos, vendo os prints em geral você percebe que são coisas bobas, tipo uma mãe pedindo pra filha ir lá na sala (manda uma mensagem ao invés de gritar, o que irrita bastante), perguntando porquê não responde às ligações, esse tipo de coisa. É claro que os pais não vão usar de um aplicativo quando quiserem ter uma conversa séria ou quiserem realmente conversar com seus filhos.

    Eu acho bom esse tipo de aplicativo pra manter contato, mas não pra basear uma amizade. Acho que uma amizade que só rola por bate-papo e na vida real não vale nada, é triste. Acho que uma coisa tem que complementar a outra, salvo casos de amizades à longa distância, porque aí não tem jeito mesmo…

    Mas enfim, como você, eu também tento fugir do WhatsApp o máximo possível. E de bate-papos na internet em geral. Acho que no fim eu gosto de ficar na minha e observar a timeline do twitter silenciosamente, sem ter que interagir muito em chats etc.

    Beijinhos.

  3. Também sou do time que não usa o APP. Eu usava há um tempo, era viciada, por assim dizer. Mas aí o meu celular também estragou e eu simplesmente fiquei sozinha. Me senti uma outra pessoa por não estar mais usando o aplicativo, e essa outra pessoa era melhor. Pude passar mais tempo fazendo coisas realmente interessantes, e não matando tempo falando vários nada.
    Hoje, uso o chat do facebook para falar com alguém quando realmente preciso, mas só jogo conversa fora e ponho as notícias em dia com amigos que eu realmente só conheço pela internet e, quando a pessoa mora perto, eu faço questão de nos vermos pessoalmente para conversar.

    Abraço,
    literarizei.blogspot.com

  4. Eu concordo que a tecnologia afasta as pessoas, mas acho que ao mesmo tempo ela aproxima! Graças à internet, consigo manter contato com muitos amigos que estão longe de mim <3
    Beijos,
    Julie | http://www.juliechagas.com/

  5. Aqui em Portugal também está tudo com a febre do Whatsapp, mas não me afecta. Tu ainda experimentaste a app por um tempo, eu nunca a instalei sequer haha. Não consigo mesmo perceber o interesse, se quero falar com alguém posso fazê-lo por sms, chamada ou nem que seja pelo facebook. É tudo uma questão de modas, quando sair a próxima as pessoas mudam-se para lá.

    Ricardo, The Ghostly Walker.

  6. Toca aqui o/ Também não uso Whatsapp, apesar de tê-lo instalado no celular para últimos casos, emergência mesmo e olhe lá. Pessoas próximas usam tanto que chega ao ponto de afetar um pouco a minha vida, o que é uma droga… Saber medir o uso é importante, mas infelizmente poucas pessoas tem a percepção de quando o app ajuda e de quando atrapalha.
    Beijos!
    http://porbrunareinert.blogspot.com.br/

  7. Gostei muito de ver essa sua opinião, Adriel. Eu uso bastante Whats porque meu namorado mora em outro DDD então se torna mais fácil nos comunicarmos por lá ao longo do dia. Eu odeio telefonemas do fundo da minha alma, mas confesso que nada substitui nossa habitual ligação toda noite. Ouvir a voz dele e respondê-lo em tempo real faz toda diferença 😉
    Um beijo!

  8. Nossa Adriel! Como assim você não tem WhatsApp?! Brinks!
    Adorei o texto, e concordo com você, mesmo o whats sendo muito prático, ainda prefiro conversas ao vivo (ano passado me meti em várias furadas por causa de só falar por msgm).
    Não serei tão radical quanto você, porque para mandar recados em grupo, ele é ótimo, mas quero muito mais contato pessoal na minha vida!
    🙂

  9. Eu uso MUITO o whastapp no trabalho, então, nem se eu quisesse daria para desinstalar, temos grupo do marketing daqui da empresa, resolvemos solução e problemas por ele, principalmente quando estamos em algum evento externo, ele facilita a vida.. Mas concordo muito com o que você disse sobre as vezes o aplicativo tornar as pessoas mais distantes, não apenas o whatsapp, mas, acho que o celular em si tornou isso bem real, celular, e-mail, a tecnologia, raramente as pessoas combinam de se encontrar, de ligar umas pras outras, conversar em casa, acho isso tão triste, faço de tudo para manter esses hábitos bem distantes e lembrar de ligar sempre para quem eu amo, mesmo na correria do dia a dia, a gente nunca sabe quando não teremos mais tais oportunidades ne, a vida é um mistério… Amei seu blog! Beijokas 😛

  10. Eu uso bem pouco, estou apenas nos grupos que tem alguma relevância pra mim e não fico muito tempo, sinceramente. Concordo que tem gente que virou dependente e só fica naquilo, perdendo o contato com as pessoas, sempre compenetrada na tela. Mas acho que estou bem longe disso hahaha Sou bem desligada. Quando o WhatsApp saiu do ar eu só fui saber quase quando ele já tava voltando e fiquei surpresa pela reação das pessoas, parecia que iam morrer kkk E tipo, existem milhares de outros apps de comunicação e tal… Enfim, bizarro.


    Beijos
    Brilho de Aluguel

  11. Avatar Clayci diz:

    Ahhhh eu uso o WhatsApp só com família mesmo rs.. Agora que inventei de fazer parte de um grupo, que me divirto muito por sinal, mas sempre tento não ESQUECER os contatos físicos, não deixo de sair ^^

  12. Avatar Lorraine diz:

    caramba! e e aqui com dó de sair de uns grupos aleatórios que vão colocando a gente hahahaha mas de certa forma acho que consigo conviver bem com o app. E ele me ajuda muito para coisas rápidas que demandariam um email e são respondidas na hora 😉

    beeeijo :**

  13. Ai você já chega no blog do rapaz e se depara com um título desses no post. Como não amar? Haha.
    Eu concordo com você, é um aplicativo que aliena muito, faz a gente achar que estamos próximos das pessoas, quando na verdade estamos bem afastados. Eu ainda tenho o aplicativo, mas não o uso da forma como usava antes. Eu era viciada, queria estar nos grupos famosos da cidade, as pessoas me chamavam bastante no privado também, eu não conseguia viver sem. Até que percebi que não preciso daquilo para ser feliz. Depois de um tempo sem usar, me "desviciei". Voltei, porque como eu não tinha crédito para ligar para meus colegas da escola e precisa resolver questões de trabalhos, ele era necessário. Mas agora faço questão de sair de todos os grupos que me colocam. Atualmente, apenas tenho o grupo da família, o do colégio e um de projeto de blogueiras, como as pessoas apenas conversam o necessário nesses grupos, não fazem muita diferença. E assim como aconteceu com você, eu deixei de ser "importante" para as pessoas e agora pouquíssimos me chama no privado. Isso é bom, porque estreita o contato físico com as pessoas.
    Mil abraços, http://www.lysiaribeiro.com/

  14. Para mim tem sido bastante útil, mas não uso o tempo todo. Mantenho mais contato com minha mãe e meu irmão que moram em Minas, mas tenho duas tias que não desgrudam, uma delas me manda fotos o vídeo todo dia, mas ela mora longe tbm então não ligo muito rsrs. Realmente em muitos casos acaba mantendo longe quem está perto. E hoje em dia, quem te liga pode ter certeza que o sentimento é verdadeiro.
    http://www.charme-se.com/

  15. É Adriel, a gente não precisa usar TODOS os aplicativos da moda, todo o tempo. Eu mesmo tenho o WhatsApp e uso basicamente para falar com familiares e amigos que moram longe (para economizar um tiquinho de interurbano). Mas, claro, cada um com as suas preferências!

    Beijo querido. :*

  16. Muito obrigado. sem dúvida que os saldos nos permitem encontrar peças incríveis 😀
    Também não uso o whatsapp 😛

    NEW INSPIRATION POST | What To Wear in Winter
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me 😀

  17. Isso é força, viu? Parabéns! ahhaha
    Eu não sei se fico sem, até porque eu sempre usei muito text anyway, antes da existência do app. E, pra completar, eu mudei para longe da minha cidade e o app é um meio de manter contato com as pessoas.
    Já o Face eu ando deixando beeem de lado. Acho que perco muito tempo útil olhando feed de notícias inúteis da vida alheia que em nada me interessa, sabe?
    Mas acho que você está certo, temos que nos manter fisicamente mais próximos e estamos fazendo o contrário, nos afastando uns dos outros e mantendo ligações supérfluas.

    =***
    Mani Piñeiro

  18. Oi, Adriel!
    Eu uso o whatsapp e acho um aplicativo muito útil, mas acho que ele não interferiu tanto assim na minha vida… digo isso porque já fiquei taaaaaantas vezes sem celular, e nunca senti AQUELA falta, sabe?
    Sem falar que ainda recorro e muito pras ligações, não gosto de esperar quando o assunto é urgente hahaha
    Ótima reflexão a sua!
    Beijoss
    http://www.vidaemmarte.com.br

  19. Eu só uso o whatsapp para ter como me comunicar com algumas pessoas que só consigo por lá, mas quase não entro. Os grupos me irritaram e saí de todos, é muita gente falando e no final não falaram sobre nada, cansei. Para mim as redes sociais/aplicativos devem ser uma extensão da sua amizade e não o foco principal.

    http://nerdicesdeumagarota.blogspot.com.br/

  20. Ainda não consegui tirar o whats da minha vida, mas apenas porque é praticamente a única forma de falar com as minhas melhores amigas :/ eu e meu namorados preferimos nos encontrar ou nos ligamos, porque é muito melhor do que ficar ali digitando, sem falar que já chegou a acontecer de eu ter uma câimbra tão horrível na mão direita que eu não conseguia nem movimentar! Depois disso eu me assustei bastante e venho diminuindo o máximo o uso do celular, mas principalmente o whatsapp. Concordo totalmente com você, ninguém morre por ficar sem whats! Beijoss

    http://apaixonadaporfinaisfelizes.blogspot.com.br/

  21. Eu tenho amigas que não usam também e acho bem legal isso! Eu acabo usando porque tenho parentes distantes que quero conversar, e querendo ou não o whats ajuda nisso, né? Mas não adianta, uma conversa pessoalmente é maravilhosa e muito melhor! Beijosss Adriel!

  22. Avatar Juliana diz:

    Eu uso por necessidade, mas sou totalmente à favor da sua atitude. Muitas vezes penso em excluir, mas não faço. Eu nem uso direito e realmente às vezes prefiro ligar só pra dizer: mô, terminei, pode vir hahahaha Coisa que poderia fazer pelo app, mas às vezes ligo mesmo. Acho muito mais legal telefonar, e olhe que nunca fui fã de telefone, mas depois que apareceu esses apps de conversa, comecei a dar valor 😀
    E realmente, são sempre assuntos idiota… E os grupos que criam e nos colocam e quando saímos somos "chatos"? Ninguém merece >.<

    Beijos!

  23. Avatar Kamii diz:

    A culpa não é do whatsapp é do vicio de tecnologia de cada um, se penarmos bem antes dele os pacotes com x mensagens por dia, ou 0,25 centavos mensagens ilimitadas cumpriam exatamente o mesmissimo papel, só que sem grupos.
    Na verdade eu o uso muito pouco, mais pra trocar mensagens com o meu namorado mesmo, e eventualmente com alguém x ou marcar trabalhos da faculdade, mas ai vai do vicio de cada um.
    Se eu fosse realmente acusar o whatsapp de alguma coisa, e ele merece ser acusado e de que ele criou a ilusão de que todos estão disponíveis o tempo todo, o que não é verdade, porque o mundo não gira em torno do nosso umbigo hahaha

  24. Oii adriel 🙂 ai que bom, acompanha sim! então no nosso grupo decidimos fazer alguns meses com temas livres e outros meses com temas já definidos 🙂

    eu tenho o app, e te entendo também, eu fiquei sem celular uns 5 dias e para mim o whats foi algo que senti falta (porque tenho grupo do trabalho nele), mas acho que a gente tem essa coisa sabe de sair um pouco desse mundo virtual… eu adoro conversar pelo telefone, adoro ouvir a voz do outro no telefone, e eu concordo, muita gente acha que o whats ou outro app substitui, mas não, infelizmente a gente tá nesse mundo assim sabe tecnológico, e eu admito, eu gosto e não gosto. mas concordo com você, o quanto mais podemos adiar o contato, melhor, melhor pra gente como pessoa e para a nossa mente ahhaha

    beijinhos :*
    japona.mairanamba.com

  25. Há seu lindo, vem cá e vamos tomar um café juntos.
    Ano passado meu celular quebrou e na época não tinha como comprar outro e nem mandar concertar o falecido, resumindo fiquei sem celular por nada menos que 8 meses inteiro, e foi a melhor experiencia da minha vida.
    Hoje tenho outro celular porque me deram, mas meu whats esta tão sem utilidade que estou pensando em tira-lo também.
    Beijo

    http://www.tecontopoesia.com

  26. Oi oi !
    Adorei o post e super concordo.. A tecnologia está cada vez mais afastando as pessoas.. Em um encontro de amigos é mais fácil eles conversarem pelo celular do que cara a cara, mesmo estando no mesmo local..
    Eu uso whatsapp para saber de eventos e noticias/avisos de grupos como o da faculdade..
    Acho que a tecnologia é ótima mas, temos que saber usa-la para ela não nos usar, sabe?
    Beijos

    http://www.sorvete-literario.blogspot.com/

    • Avatar Nana diz:

      antes, meus amigos tinham grupo da faculdade no face. achava prático, mas todos migraram pro whatsapp. não é pq foram pra lá q eu tbm voo. dou um jeito de descobrir as treta na sala. hahaha.

  27. Oi
    muito bom seu texto, eu não gosto do WhatsApp, mais tenho o aplicativo por achar que as vezes pode ser útil, mais nem participo de grupo nem nada pra mim essas coisas é perda de tempo e ainda mais que o povo não conversa, os parentes chegam em casa e vão logo pedindo a senha da internet para acessar e as vezes ficam tudo na sala olhando pro celular nem tenho paciência com isso, até minha mãe e meu Pai tão viciado nesse negocio que irrita já que nem prestam atenção nas conversas. Eu mantenho ele mesmo por achar útil você quer falar com uma pessoa liga ela não atende mais vê a mensagem

    momentocrivelli.blogspot.com.br

  28. Aqui no meu wpp eu só falo com pessoas que falo pessoalmente mesmo. Super respeito essa sua atitude de não usar e admiro, porque queria conseguir ficar sem o wpp, mas fica difícil, porque hoje em dia pra qualquer coisa que a gente precise se comunicar, o wpp é uma mão na roda pra quem vive sem créditos (oi, eu) e aí usa esse sistema de mensagens pra mandar uma mensagem e dizer que chegou e tal. Eu e minhas amigas estávamos até comentando disso hoje e a gente chegou a conclusão que somos escravas da tecnologia. Eu sou viciada em Twitter, WhatsApp e Instagram, não consigo ficar 1 dia sem abrir essas redes sociais, se eu ficar sumida dessas 3 redes sociais é porque realmente aconteceu algo sério 😛 hahaha! O Facebook eu não uso muito, só quando não consigo falar com alguém pelo wpp, aí abro o chat do Facebook pra falar, é raro eu postar no Facebook sem ser aquele post compartilhado de alguma foto do meu Instagram, sabe? Hahaha! Enfim, gostei do post!

    Beijos!
    http://www.likeparadise.com.br

  29. Olá,
    Particularmente, meu contato físico com as pessoas não diminuiu, mas a rede social é sim, muito útil para manter contato com pessoas que muitas vezes a distância afasta. O que o aplicativo tem feito muito é tirar meu tempo útil, mas isso é realmente algo que preciso me policiar.
    Beijos
    Memórias de Leitura – memorias-de-leitura.blogspot.com

  30. Avatar Tami diz:

    Acho que tudo é questão de dosagem. Realmente tem pessoas e grupos que não sei o que fazem durante o dia, porque é mensagem a cada segundo! Eu uso mas deixo sempre no modo silencioso (nada mais irritante do que aquele barulhinho de mensagem toda hora) e vejo quando tenho um tempinho ou quero me distrair.
    Gosto dele especialmente para os grupos da família, onde fica mais fácil e "privado" para compartilhar algumas fotos ou alguma besteira. E achei super útil quando viajei para fora e utilizava a ligação por wi-fi. Tem um pouquinho de delay, mas se ambos tem acesso a uma wi-fi de qualidade é ótimo, ligação internacional com custo zero 🙂
    Mas assim… falta mesmo não ia fazer :p

    Tami
    Gaveta Abandonada

  31. Confesso, que eu uso whats e não é meu app favorito, não é uma coisa que eu faça tanta questão, assim como o msn naquela época que ninguém vivia sem eu era a unica que usava só quando o meu namorado da época estava online, hj em dia nem existe mais rs, agora o whats eu uso em extrema necessidade, eu abro o snapchat por exemplo e não abro o whatsapp, até tirei a notificação dele, para não ter aquela obrigatoriedade de toda vez que acessar a internet no cel ir até ele, adorei o post e acho que somos poucos dos brasileiros que não damos tanta importância kkk. Bjs

    http://www.purpurinanasvaidosas.com.br

  32. Eu, sinceramente, não tinha conhecido ninguém que não usava o whats app.
    Acho um pouco estranho, porque como você mesmo falou: ele facilita muito o contato de forma rápida.
    Mas também entendo todos os seus argumentos. É verdade que o app acaba distanciando muitas pessoas. Maaas por um outro lado também acho que aproxima de certa forma.

    Usando minha própria vida como exemplo: traballho a 1h30 de casa e meu horário normal de saida é as 19h, mas sou publicitária e a coisa mais comum é o job se estender mais. No ano passado, pra completar, estava fazendo tcc com um grupo que ajudava muito pouco. Resultado: não tinha temmpo pra ver todo mundo que gostaria. A solução pra não ficar longe de ninguém? O whats app. Mesmo sendo algo mais frio, é uma coisa que consigo responder a (quase) todo momento. É uma forma de se manter presente quando "forças maiores" não te deixam estar pessoalmente.

    Sei lá, como disse: entendi seu ponto. Mas continuo achando que tudo tem dois lados.

    Adorei seu blog e seu conteudo! De verdade! <3

    Beijos
    A Mente Transborda
    Curta no Facebook

  33. Eu uso o whatsapp o dia inteiro, por motivos de: Resolver alguns trabalhos, falar com quem está distante de mim, rir um pouco, enfim… Acho um aplicativo maravilhoso que serve para várias coisas que ajudam a vida do ser humano e tal!
    Não consigo ficar um dia sem Whatsapp, pelo simples fato de amar conversar com pessoas que eu gosto kkk'
    Abraços, mas achei o post interessante!

    http://www.ricknegreiros.com.br

  34. Eu detesto o whats app! Kkk
    Só uso msm por causa dos outros, mas talvez chegue um dia que eu faça que nem vc e saia, rsrs
    É uma perturbação sem necessidade, sinceramente.
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

  35. Caraca lendo os comentários aqui e seu texto to me sentindo normal EU TAMBÉM NÃO USO WHATSAPP (chupa mundo)! Moro sozinho e confesso que uso bastante a comunicação pela internet, prefiro chats, emails, sms por que detesto falar ao telefone, e fora meus colegas de facul e trabalho, meus amigos e parentes que mais converso são todos de longe. Mas o whats não me agrada, grupos não me agradam, audios não me agradam prefiro ficar longe desse app rsrs.

  36. Eu sou bem desligada com celular. Sempre me cobram com isso. E quer saber? eu tenho uma vida tão nice <3
    Nunca fui muito ligada em tecnologia e estou apanhando para ter um blog e saber lidar com esse montão de informação!
    Então somos sim os diferentões
    pupilos de nostradamus
    anti sociais
    KJHSGIAOJSIUGHIJAIOUH
    | Sorteio do livro: "Como ter uma vida normal sendo louca" |
    | FB Page A Bela, não a Fera|

  37. Eu sei que tem posts recentes para comentar, mas adorei saber que não sou só eu que não uso essa coisa kkkkkkk. E olha que eu também tentei. Juro que sinto falta do Msn e até do Orkut (sim do Orkut). Pois naquela época as pessoas mandavam recados umas para as outras e não jogavam indiretas em linha do tempo, ou davam bom dia para um grupo cheio de gente. Isso vale? Depois eu que fico de anti social :/

    Bom, adorei aqui! Outra hora comentos nos posts recentes hehe. Beijão!

    Blog Tanamoda / Meu espaço Natura / CK Designs

  38. Pra mim o problema não é da tecnologia, pois ela não se usa sozinha. Enfim.
    Quando alguem surta e vem querendo me dar brinca porque não respondi no apl imediatamente dou logo um "foroni" e digo pra me ligar da próxima vez.

    http://fluxoconstante2.wordpress.com

  39. Avatar Fernando diz:

    Na família e no trabalho lido constantemente com a “pressão” para instalar esse app, mas resisto bravamente.
    Fazem questão que instalemos isso, mas quando iniciamos uma conversa percebemos que aquele mesmo que lhe convenceu a instalar isso NÃO TEM ARGUMENTOS, NEM ASSUNTO, na maioria das vezes. Isso sem contar quando visualiza e não responde, ou mesmo nem visualiza. Vai entender esse povo!
    Vejam como em 90% das vezes só falam abobrinha. Fora as respostas monossilábicas como “Neh”, “Ata”, “kkkkkk”, “Rs” e outras.

  40. Avatar Grazi diz:

    Parei de usar a algum tempo, é algo bastante fútil que idiotiza as pessoas que saem repassando qualquer absurdo que recebem. Quando você para de usar, as pessoas param de com você, mesmo tendo seu telefone e outras formas de comunicação, para os viciados, só serve aquela. Em resumo o aplicativo não use pessoas, afasta, as pessoas ficam vinculadas apenas ao aplicativo e falam com quem o utiliza, quem não utiliza, “não serve mais”

  41. Avatar Mauriana diz:

    Eu também sai do APP faz dois anos, estou ótima, o preconceito e até grosserias existem, mas a paz que conquistei vale o preço.