Fatos que aprendemos com a vida

Mesmo depois de grandinho, a gente sempre aprende novas coisas com a vida, certo? Uma hora ou outra iremos topar com algo por aí e pensar: “poxa, eu realmente tô crescendo”. Pode ser até mesmo o cansaço por correr atrás de macho (meu caso!). #sincera 
O fato é que a vida é uma montanha-russa de emoções: uma hora estamos lá em cima mó feliz; noutrora estamos pra baixo, à procura de uma salvação pros nossos problemas. Ou vai me dizer que tu é uma daquelas pessoas que têm a solução pra tudo? Se sim, me passa o teu e-mail pra conversamos, porque ainda não tenho esse poder.
Inevitavelmente, todos os dias estamos aprendendo novas coisas, mudando hábitos e, enfim, crescendo como seres humanos. Por um lado isso é bom, por outro pode ser bem difícil, afinal, o novo e o desapego nem sempre são fáceis de lidar.
Ficar sozinho não é ruim 
Sou filho único, logo, aproveitar minha própria companhia nunca foi um desafio pra mim, tanto é que, às vezes, fico incomodado com muito barulho em casa, principalmente durante aquelas reuniões de família.
Se tu pensa que ficar sozinho é ruim, tô aqui pra te falar que, de vez em quando, é bom ficar vagando por aí, alone; esses momentos são ótimos também pra traçarmos planos, metas de vida e por aí vai.
Macho é bom, mas ser solteiro é melhor ainda 
Pra quem é casado, ok, sinto inveja de vocês. Mas, ó, ser solteiro também tem o seu lado bom, como: não gastar muito dinheiro na páscoa, natal, ano novo, dia dos namorados… Dá pra economizar um dinheiro bacana pra se jogar nas baladas da vida. #sincerasempre 
Não sei pra você, mas pra mim ser solteiro não é o fim do mundo. É geralmente nessa época em que a gente adquire mais auto-confiança e se prepara pra mais um relacionamento, que poder ser o último ou mais um teste pro grand finale, digo, casamento. Sendo assim, não se desesperar por relacionamento é uma das melhoras coisas da vida.  Difícil, eu sei, mas não é impossível aquietar a pepeka.
É inevitável não ser egoísta
Aprendemos também  que, pelo menos uma vez na vida (ou sempre), iremos pensar na gente primeiro e dane-se o resto. E não, isso não é errado. Temos que pensar mesmo em nós, nos nossos problemas, sonhos, desejos… e ter #invejadobem do próximo, pra batalharmos pra chegar a algum lugar. Afinal, não estamos aqui nessa terra à toa.

E você, o que já aprendeu com a vida? 

 

 Um beijo!
40 Comentários

40 Comentários em "Fatos que aprendemos com a vida"

  1. Oi oi…
    A cada dia vamos aprendendo as coisas…
    Eu sempre fui muito, mas muito mesmo sentimental… Qualquer coisinha chorava… As coisas não mudaram muito, mas a cada dia estão mudando, e venho aprendendo a controlar meus sentimentos…
    Uma das coisas que aprendi é nunca dizer nunca, havia coisas que disse que nunca faria, e acabei fazendo…
    Outra coisa foi que sempre achei errado as pessoas deixarem de amar alguém, de estar alguém por medo, fechar o coração por ter sofrido por alguém, eu achava que sempre era possível amar novas pessoas, e na verdade ainda o acho, mas aprendi que é necessário estar sozinho ao menos uma vez, na verdade nunca tive um relacionamento, ou seja sempre fui sozinha kkk
    mas o meu sozinha que digo, é um tempo nosso, sem gostar de ninguém, sem se preocupar com ninguém. Estar sozinha não é ruim, pelo contrário é bom, é menos estresse, menos preocupação, mas sim, é bom também estar com alguém, mas é bom estar alguém que goste da gente né?
    Enfim, cada dia mais vamos aprendendo coisas novas e que são para o nosso crescimento!
    Bjs

    http://www.jayhanadenardi.blogspot.com.br

  2. Adorei seu blog e seu texto..Eu não sei bem o que é ficar sozinha sou de uma família de 8 irmãos, mas também falo que as vezes precisamos desse tempo. E sobre ser egoístas muitas vezes temos que ser, até porque o mundo(pessoas) cada vez mais egoísta..e pensar na gente é preciso..bjuss
    Gostaria de convidar você para conhecer uma plataforma nova de distribuição de conteúdos para bloggers no Brasil, onde todos se ajudam..Entra aqui tem mais explicação sobre http://petitluxo.com/2016/03/01/feedhi-no-brasil/
    obrigado

  3. Juliana C diz:

    Oi 😀
    Também acredito que sempre podemos aprender alguma coisa com os fatos que acontecem na nossa vida. Antes eu ficava pior e achava que tudo era o fim do mundo, mas agora tô tentando ver pelo lado da aprendizagem que algumas situações nos proporcionam.
    Estou reaprendendo a estar sozinha e apesar de ser difícil algumas vezes, também está sendo bom. Tô precisando muito me reencontrar e acho que só vou conseguir estando apenas na minha companhia.
    Uma coisa que preciso aprender urgentemente é ser um pouco mais egoísta. Acabo sempre me dando mal por não conseguir me priorizar em algumas situações.

    Beijos!

  4. Adorei suas colocações, via de regra apendo com a vida todo dia quando quebro a cara por uma escolha errada, mas com isso gente ai indo e indo . Primeira vez que venho aqui e gostei muito , adorei o post das vida alternativa.
    Beijos

    http://www.cherryacessorioseafins.com.br/

  5. Bianca diz:

    A vida é um constante aprendizado, sempre estamos aprendendo algo, não importa a idade que temos. Eu também preciso de um tempo sozinha de vez em quando, me ajuda a pensar e tomar decisões.
    Beijos
    Bluebell Bee

  6. Carol diz:

    Gostei muito do post. Todos os dias temos algo pra aprender mesmo. Essa última questão eu ainda to aprendendo, sempre parei a minha vida pra fazer o que os outros queriam e só me ferrei hahahahaha Hoje em dia, a maioria dessas pessoas nem sequer me manda um oi mais.
    🙂
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

  7. As pessoas tem uma facilidade muito grande de tornar tudo uma tragédia, quando podemos tirar um lado bom até das coisas que parecem mais desesperadoras. E eu concordo tanto com o último fato. Muita gente acha que é pecado pensar em si mesmo, querer o próprio bem, mas não só podemos como devemos nos colocar em primeiro lugar, afinal, somos as pessoas mais importantes das nossas vidas. Não podemos fazer bem a ninguém se não estamos bem.

    Obstrelando

  8. Aline Al diz:

    Oi, Adriel.
    Engraçado como a gente aprende as coisas em fases diferentes da vida, né? Eu acho que nunca aprendi a ser desapegada com macho, por que eu nunca fui. Mas sou extremamente carente de companheirismo e amizade, e conforme vamos crescendo e as pessoas vão gradualmente saindo das nossas vidas e isso dá um WOOOOW e eu sempre acabo me ferrando. Enfim, adorei o post.
    Beijos!
    Borboletas de Papel | Fanpage

  9. SEM QUASES diz:

    Tirando alguns fatores que exageraram um tiquinho (como o "sempre" no último tópico e o "ser solteiro é melhor", já que isso tudo é relativo e devemos ver os pontos positivos em ambos os lados, assim como ser "egoísta" apenas quando realmente precisamos focar em uma cura ou processo mais íntimo, e mesmo assim não precisamos ignorar totalmente prioridades de quem amamos), adorei as reflexões, Adri. Sempre me acabo de rir aqui e reflito em conjunto.

    http://WWW.SEMQUASES.COM

  10. Sil diz:

    Olá, Adriel.
    É vivendo que aprendemos hehe. Todos aprendem uma coisa ou outra. Tem gente que insiste em cometer os mesmos erros, mas uma hora aprende hehe. Eu estou solteira e feliz assim, pelo menos no momento. E como diz o padre Fabio, estar sozinho é ruim, mas ter a pessoa errada a seu lado é mil vezes pior.

    Blog Prefácio

  11. Júlia S diz:

    "Macho é bom, mas ser solteiro melhor ainda"
    Eu AMEI essa frase e todo o texto, me definiu bastante no momento. Sou a única do meu ciclo de amizades que ainda não namora, vivo nas baladas e gastando dinheiro com comida, show e vodka. Às vezes bate uma carência, aquela vontade de um mozão mas aí passa! Eu vejo os relacionamentos alheios e não sinto vontade de ter um, me dá desgosto. Afinal, antes só que em má companhia, certo? Beijo grande!
    Café, Vodka e Literatura

    • Nana diz:

      simmm! *-* da minha turma de amigos, eu tbm sou o único sozinho. o mais louco é q na hora de pedir dicas, tudo corre pro meu lado, pq sabe q eu não vivo no mundinho da lua encantada. 🙂

  12. Realmente, a vida nos ensina muitas coisas, nos ensina que algumas vezes é melhor se estar sozinha que mal acompanhada >.< Muito bom seu texto, adorei!

    Abraços || barbieseumundopink.blogspot.com.br

  13. É aquele clichê: vivendo e aprendendo. Cada dia aprendemos uma coisa nova, mesmo sem perceber. Aos pouquinhos tudo aparece. Me identifiquei muuito com tudo, eu também sou filha única e quando tem muito barulho de gente em casa me incomodo hahaha. E eu nunca fui apegada, sempre fui do tipo que gostou de ser solteira só pra poder sair sempre e ter toda essa liberdade que a vida de solteiro proporciona. Nunca queria namorar, e agora que namoro tem sido incrível. Acho que são fases, sabe? Além disso, quando a paixão pega não tem jeito hahahah. E às vezes precisamos ser egoístas mesmo, pensar por nós mesmos. Não dá pra ficar sempre pensando só no outro e esquecer do mais importante: nós.

    Apesar de ser um papo mais sério, como sempre tu consegue colocar teu jeitinho no texto e faz eu morrer de rir, hahaha.

    Beijos =)

    http://www.letrasnagaveta.com

    • Nana diz:

      eu era do tipo que sempre pensava nos outros e esquecia de mim. agia do tipo: deixava de ir a algum lugar pq a miga queria ir em outro… acho que o egoísmo do bem começa mais ou menos nessas pequenas atitudes… <3

  14. Concordo com tudo. Também venho aprendendo tudo isso com o passar do tempo.

    Um beijão.
    Desejo de Sonhar

  15. Às vezes acho que queria ter um manual de instruções da vida, para saber lidar com as situações difíceis heheh, mas pensando por outro lado, se não fosse os tombos, as decepções, os corações partidos, talvez não amadurecêssemos tão rápido. Não sou filha única, mas é como se fosse porque sou a caçula e concordo com o que você disse. Ficar sozinha é bom mesmo, ter um tempo só nosso, nada melhor!
    Muito bom o post, beijos!
    http://virandoamor.blogspot.com.br/

  16. Concordo mil vezes, Adriel. Principalmente na parte de sermos egoístas… sinto que, ultimamente, as pessoas não estão mais entendendo que elas podem sim se permitirem pensar apenas nelas em alguns momentos, não importa o quão egoísta isso pareça. Acho até que, quem acha que isso é egoísmo, está sendo mais egoísta ainda por não deixar que uma pessoa pense na coisa mais importante da vida dela: ela mesma.

    Abraço,
    omundodemis.blogspot.com

  17. Concordo com tudo! Ficar sozinho é ótimo! Fazer suas coisas em paz… Ouvir música, dançar, ler, curtir a natureza… Tem dias que Preciso ficar sozinha rsrs
    Ser solteiro tem seu lado bom assim como estar namorando ou ser casado. Sabe o que não é bom? Estar noivo HAUSHUASHUAHSU Casar é tão caro que ninguém tem dinheiro pra presente e não ve a hora de estar casado logo kkkk

    Um beijo,
    Quase Mineira | Sorteio Mason Jar

  18. Concordo com tudo que você falou no post, afinal, sempre concordo com tudo que tu fala. Realmente ser solteira tem seu lado bom.
    Beijos, Bunny and Sara

  19. Mari diz:

    Concordo, o povo acha que todo mundo tem que andar de parzinho porque é a única maneira de ser feliz e ó, dá para aproveitar legal a vida de solteiro também, viu?
    Beijos
    Mari
    http://www.pequenosretalhos.com

  20. Pior que algumas vezes acho que sou egoísta além da conta hahah Mas aí eu me lembro que sempre faço o possível para ser legal com os outros e que já me doei demais por pessoas que não me mereciam nem pagando… Enfim! Ótimo post Adri!! Beijos!

  21. Oi Adriel,

    Como sempre seus textos são excelentes! casar é bom ser solteiro tb, tudo depende de suas escolhas e sim, podemos e devemos às vezes ser egoístas. Ás vezes eu acho que algumas pessoas não merecem nossa generosidade rs

    Bjs, Michele

    O que tem na nossa estante

  22. Eu não quis falar sobre isso no meu blog porque pessoal do meu mundo profissional poderiam ler mas definitivamente não tenho solução pra nenhum dos meus problemas, quanto mais o ~maior~ deles que é simplesmente odiar o meu trabalho.
    Se tem algo que aprendi (muito bem) é que ficar sozinho definitivamente não é ruim. Talvez SER sozinho não seja lá tão bom mas ESTAR sozinho é ótimo, gosto muito.
    Nem acho que pensar em nós mesmos seja egoísmo, mas concordo com você, a gente tem que se agradar pra depois (talvez) agradar os outros.