Inspira, respira e sorria

sorria, baby!!!

Para ler ouvindo “Smells Like Teen Spirit”, do Nirvana. 

 

No fim de novembro, minhas amigas apresentaram o TCC delas e euzinho estava lá acompanhando os bastidores, dando aquele help do amor. 😛 (Só pra constar: deixei o meu trabalho pra este ano, pois não me sentia preparado pra enfrentar a banca no semestre passado.  Acho que foi a melhor decisão que fiz em 2017.)

Infelizmente, de novembro até agora, venho tendo crises de ansiedade constantemente. Ansioso eu sempre fui, mas a coisa piorou depois do TCC das miga. É que eu estava com muito medo delas não darem conta de apresentar, apesar de confiar muito na inteligência e força de vontade de cada uma. ☹

De lá pra cá, o medo se apossou da minha vida. Medo de tudo. Qualquer dorzinha que sinto já imagino diversos problemas. Preciso dizer que a insônia se fez presente por diversas noites? Às vezes, só conseguia dormir quando minha mãe ficava comigo! #tenso O roubo do meu celular, em dezembro, só piorou tudo. Foi a partir daí que comecei a tomar calmantes, que não fizera muito efeito.

O Natal e virada do ano foram ok, pois consegui me controlar. Contudo, os pensamentos negativos e insegurança voltaram com mais força agora. Se eu passar um minutinho sem fazer nada ou sozinho, bate uma baita crise. Nem os exercícios respiratórios tão resolvendo e eu já não sei o que fazer. Psicólogo não está nos meus planos, pois tretas na faculdade tão sugando os poucos centavinhos que me aparecem. 😢

Foda, viu?

Estou tentando ser otimista, pois quero que este sentimento me acompanhe durante o ano de 2018. Apesar das dificuldades, quero voltar a sorrir. Pras conquistas, dificuldades, medo. Desejo apenas ser o Adriel que fui em 2015 (esse da foto ali em cima!). Um menino tranquilo, que sonhava e se preparava pra mudar pra Porto Alegre, sem medo do desconhecido.

Sou consciente de que será difícil  sair dessa bad vibe, mas tenho fé em Deus e muita força. Assim como as minhas amigas conseguiram apresentar o TCC e tiraram notas maravilhosas (a Vanessa conseguiu um 10!!!), irei voltar a sorrir pra vida. Inspirar, respirar, não pirar e sorrir. 🙏

(Um adendo: Se você conhece alguém que sofre de ansiedade, não pense que é bobeira. O lance realmente é sério e pode afetar qualquer pessoa. Não é frescura de quem quer pagar de problemático na internet. 😉)

Comente Comentários

Nenhum comentário em "Inspira, respira e sorria"