Foi erro meu…

Oiê! 😊

Devo começar esta carta dizendo que já não sinto mais nada por ti. Demorei 3 anos pra me curar daquele sentimento inexplicável, e hoje curado estou. Na verdade, nem é tão difícil definir o que sentia… Acho que confundi tudo, acreditando que a paixão seria correspondida. Ledo engano, acontece. 😉

Sonhei contigo na última noite. Após tanto tempo sem aparecer nos meus devaneios noturnos, tu deu as caras novamente. Dessa vez eu me assustei, pois recebia a notícia da tua morte. Coisa doida, né?! Fui até pra internet pesquisar sobre simbologias, etc… 😂 Felizmente, o resultado foi positivo. 

De acordo com os astrólogos, sonhar com uma ex-paixão morrendo nada mais é do que a mente demonstrar que a cicatriz que ficou foi curada. Parece até poético, mas é real. Por aqui está tudo bem e já não sinto mais aquela vontade de chorar quando alguém, por acaso, fala sobre ti. 👍

Antes de escrever esta carta, abri tuas redes sociais pra ver o que andava aprontando. Como já era de se imaginar, encontrei poucas postagens e lembrei que, realmente, tu é discreto quanto à vida pessoal.

Como tu mudou fisicamente! Quando te conheci, tu tinha 17 anos e eu 19. Foi paixão à primeira vista, e nem foi por conta do teu corpo, já que nem bombadão tu era. Confesso que fiquei um pouco chocado ao ver quão “monstro” ficou… Aprovado, viu?! 😜

Pra não me prolongar ainda mais, quero com essa carta só relembrar o que já te disse várias vezes, em 2014, inclusive naquela cartinha que entreguei antes de tu partir pra SP.

Espero que tu seja muito feliz! Independente da forma como me usou e das feridas que deixou, te desejo somente a felicidade… Siga o teu caminho aí que eu vou seguindo o meu por aqui! Talvez, um dia a gente se reencontre… Seria maravilhoso poder te abraçar e ver pessoalmente uma pessoa que me ajudou a crescer, mesmo quando não tinha essa intenção.

Seja feliz, D. 💙💛

21 Comentários

Infantil, ingênuo, bobo… O que realmente sou?

Existe idade certa pra ser feliz? Onde está o manual contendo as instruções da vida? Só quero as respostas às esses dois questionamentos, pois viver está se tornando cansativo; a graça acabou já faz um tempo.

Tenho 23 anos, gosto de brincadeiras infantis e de estar rodeado de crianças/adolescente – talvez essas características até justifiquem os meus atos. Tô crescendo em idade, mas não em maturidade. Parece que ainda estou na casa dos 15, à espera de um namoradinho e aventuras pra contar quando estiver velhinho.

Os meus amigos vivem dizendo que sou crianção, e eu super concordo! Ainda curto seriados da Disney, músicas de artistas teens… Sonho também com uma cartinha chegando até mim com um pedido de namoro (não que eu já tenha entregue uma pra um garoto da faculdade, passando a ser alvo de piadinhas assim que cheguei ao ensino superior).

Acho uma babaquice levar tudo à sério. Claro, há momentos em que devemos agir com um tom maior de seriedade. Mas, pra que viver pilhado, emburrado, sendo grosso e nunca abrir um sorriso, mesmo diante de diversos problemas?

Meu amigo, os problemas surgem na nossa vida desde o primeiro momento em que vimos o mundo pela primeira vez. Na verdade, dentro da barriga das nossas genitoras já rolava aquela falta-de-espaço-básica pra se mexer. Logo, tretas é o que mais aparecerá na nossa vida, o que diferencia o ser humano é como ele se comportará diante de cada situação.

Eu prefiro ver tudo colorido, pois o mundo em si já anda preto e branco, com muita guerra, falta de amor, etc. Por enxergar tudo mais “simples” do que os outros e fazer piadas diante de “desgraças”, muitos me acham infantil por isso, negativando minhas atitudes.

Sinceramente, que continuem me achando uma criança.

Vou continuar, sim, dançando músicas do Rouge! Irei sorrir pra vida quando estiver no fundo do poço, mantendo no olhar aquele brilho de ingenuidade, pois passar por cima dos outros não faz parte dos meus planos e da minha personalidade.

Com certeza continuarei a escrever em diários, amando a cor rosa e flores, além de dedicar boa parte do meu tempo planejando coisas incertas. Crianção, sim! Crianção feliz e que só tem um desejo nessa vida: todos amarem e serem amados.

Pensando bem, acho que não sou tão infantil assim, pois desejo às pessoas paz, saúde, felicidade e, claro, muito amor.
4 Comentários

Raven está de volta com filhos e novas vidências

Com certeza você já deve ter visto algum episódio de “As visões da Raven”, seja na tv aberta (SBT) ou canal à cabo (Disney). O seriado ficou no ar de 2003 a 2007, sendo um dos mais engraçados e inteligentes da época.

Pra quem não conhece, “As visões da Raven” conta fatos da vida de uma adolescente que de comum não tem nada. Ela é artista, destrambelhada e louca. Em todos os episódios a menina aprontava algo, tendo como base as suas previsões do futuro. Infelizmente a série foi cancelada.

Como Raven é muito querida na Disney, os produtores resolveram criar um spin off, cujo o nome escolhido foi “Raven’s Home” (“A casa da Raven”, em português). O melhor de tudo é que surgiram novos personagens ainda mais divertidos. 😍

Em “Raven’s Home” somos apresentados aos filhos-gêmeos de Raven, são eles: Booker e Nia. A melhor amiga da vidente, Chelsea, também está de volta e com um garotinho lindo, o Levi. Tem também a Tess, uma vizinha-adolescente que vive mais tempo com essa turma do que com a própria mãe.

Nesta nova fase da história, nos deparamos com um mundo totalmente moderno, onde Raven e Chelsea estão compartilhando o mesmo lar após se separarem dos maridos. Juntas, as duas têm de enfrentar o desafio da maternidade, passando aos seus filhos um pouco de orientação e disciplina. Porém, o que fazer quando elas são mais infantis do que os próprias crianças? O problema é grave e, felizmente, nos garante boas risadas! 😂😂

Agora vamos à boa notícia: “Raven’s Home” começará a ser exibida aqui no Brasil, no dia 29 de outubro na Disney Channel. Nos Estados Unidos a 1º temporada já foi exibida… Vi todos os episódios e amei muito!

Se você procura uma série divertida e epis curtos (não passam de 25 minutos), fica aí a dica. Tenho certeza de que Raven e a sua turma irão lhe animar muito com as aventuras presentes em cada episódio. E sim, a segunda temporada já foi confirmada! 😉
4 Comentários