Paz ou guerra?

Os seus valores estão naquilo que você faz e pensa. Querer mudar alguém porque suas concepções são sempre as corretas é inadmissível.
O Padre Fábio de Melo diz que “podemos até ter diferenças teológicas, mas as questões humanas são as mesmas. O resultado da religião em nós deve ser este: Amor a Deus e respeito ao ser humano.”
Impor que a sua crença é melhor que a de outra pessoa não te faz superior, e sim um babaca que não sabe aceitar as concepções alheias. As divergências religiosas existem porque não sabemos entender o que a Palavra de Deus (a Bíblia) nos diz, tampouco colocá-la em prática.
A sua religião é melhor que a minha? Certo, continue com esse pensamento! Deus existe só para você e sua religião? Perfeito. Será que é com estes argumentos que conquistaremos o Reino de Deus? É óbvio que não!
Religião é apenas se juntar com outras pessoas que querem adorar a Deus em um tempo (Igreja). É por causa disso que você se julga superior? Ai, ai. Reveja os seus conceitos!
O engraçado de tudo é saber que mesmo sendo pecadores nós temos a mania de julgar alguém pelos seus atos. Quem tem o poder de JULGAR é Deus. Você tem uma opção:  ficar calado revendo as suas decisões!
“Devemos ter cuidado para evitar o desejo de nos apossar da religião e interpretá-la à nossa maneira. Não somos senhores da fé do povo, não somos donos da salvação e da verdade. A salvação e a verdade também podem ser encontradas além dos muros do templo e das propriedades da Igreja!” 
4 Comentários

4 Comentários em "Paz ou guerra?"

  1. Eita menino brilhante!!Sou sua fã!Vai escrever um livro vai!!!rsss
    Concordo com você,o que estraga a fé é a religião! A salvação está dentro de cada um de nós,respeitando o próximo,incluindo suas escolhas.
    Bjs!

  2. Nana diz:

    Obrigado pelo seu comentário, Zilda. Quem dera eu pudesse publicar um livro. Hehehe.

    A proposta do texto era chamar atenção para as divergências religiosas que sempre existiram, mas que estão cada vez mais acabando com aquilo que Deus nos ensinou: fé e união!

  3. Oie…ameiii teu post! Acredito que independente da religião que cada um segue, deve haver o respeito pela opinião alheia..respeito!! Concordo com a Zilda…você deve escrever um livro sim! Bjusss

  4. Nana diz:

    Oi, Fê! Sim, respeito sempre.

    Escrever um livro? Ain, acho que não chegou a hora, gente. Não estou preparado ainda. 🙂